Buscar
  • ozzsaude

OZZ Saúde inicia campanha de conscientização contra o novo coronavírus

Atualizado: Mar 17



A OZZ Saúde está endossando a luta contra o novo coronavírus, causador da Covid-19. Nossa prioridade é garantir a segurança e o bem-estar de todos os nossos colaboradores, especialmente os socorristas, que trabalham diariamente com pessoas em situação de saúde vulnerável. Com base em instruções divulgadas pelos órgãos oficiais de saúde, estamos tomando medidas de educação e prevenção contra a nova doença.


Recentemente, uma equipe do setor de segurança do trabalho e enfermagem (SESMT) da OZZ Saúde participou de uma rodada de treinamento sobre o novo coronavírus promovida pela Secretaria Municipal da Saúde de Curitiba (SMS). No evento, nossa Gerente de Enfermagem questionou as autoridades presentes sobre a ausência de diretrizes especificas para proteger socorristas e técnicos em emergências médicas. Segundo a gerente, o trabalho do socorrista apresenta particularidades que devem ser observadas. “O ambiente de uma ambulância é muito diferente do de uma unidade de saúde: o espaço restrito facilita a transmissão do vírus, e a ausência de diagnostico prévio durante o primeiro atendimento também pode colocar esses profissionais em risco”, afirma. Por isso, a equipe técnica da OZZ Saúde adaptou as instruções de prevenção à Covid-19 e elaborou um material educativo com foco na prevenção à transmissão do vírus.


Material elaborado especialmente para profissionais do atendimento pré-hospitalar (APH)


Cartazes contendo informações sobre sintomas, formas de contágio e de prevenção e precauções no atendimento e transporte de casos suspeitos serão colocados em todas as áreas comuns da OZZ Saúde, incluindo nossas bases do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU). Outra versão do material será enviada via WhatsApp, para chegar a todos os colaboradores, inclusive aqueles que estão de férias ou afastados por licença. Ambas as versões devem começar a circular nesta semana.


O material ressalta a importância de fazer o uso correto dos equipamentos de proteção individual (EPIs): máscara N95, avental descartável, luvas e óculos de proteção, além da higienização adequada das mãos com sabonete líquido e álcool em gel 70%. A utilização correta desses equipamentos é o que garante sua eficácia. Mesmo assim, como medida de segurança, colaboradores com baixa imunidade ou gestantes não deverão ser designados para o atendimento de pacientes com suspeita do novo coronavírus.


É no primeiro contato com o paciente, ou seja, durante a ligação para o serviço móvel de urgência, que as medidas de proteção começam a ser tomadas. Se o paciente relatar sintomas que podem estar associados à Covid-19, o médico regulador em atendimento irá investigar a hipótese – sempre buscando tranquilizá-lo - e encaminhar ao local equipes já preparadas para atender um possível paciente com a nova doença.


Todos os equipamentos de proteção necessários estão sendo disponibilizados pela OZZ Saúde às equipes de atendimento, e a Covid-19 permanecerá sendo debatida por nossas equipes à medida em que novas informações e diretrizes forem surgindo. Estamos empenhados em capacitar continuamente nossos colaboradores com o objetivo de proteger a vida e a saúde de todos. A informação e o cumprimento dos protocolos são nossas principais armas contra a doença.


Informações gerais de prevenção que estão sendo divulgadas

através do WhatsApp e pela página da OZZ Saúde no Instagram


O que você precisa saber sobre o novo coronavírus


A Covid-19 é uma doença de alta transmissibilidade e taxa de letalidade relativamente baixa (cerca de 3%) que provoca sintomas respiratórios, febre, tosse e falta de ar. Esses sintomas podem levar até 14 dias para se manifestar após o paciente ser contaminado.


No Brasil já foram confirmados 234 casos de infecção pelo Sars-cov-2 – nome oficial do novo coronavírus - e o número não para de subir. A maior parte dos brasileiros contaminados contraiu a doença em viagens internacionais, mas já estão sendo registrados casos de transmissão local do vírus.


O grupo mais vulnerável é o dos idosos e pessoas com deficiência imunológica, mas todos devem redobrar a atenção – a Organização Mundial da Saúde (OMS) já considera a Covid-19 como uma pandemia, o que significa que ela atingiu todos os continentes. Na tentativa de conter o avanço da doença, diversos países estão fechando suas fronteiras temporariamente e adotando medidas que restringem a aglomeração de pessoas.


A boa notícia é que na China, país onde foram registrados os primeiros casos da doença, o número de contaminações e mortes pela Covid-19 está reduzindo rapidamente, o que pode indicar uma esperança para o tratamento da pandemia no resto do mundo.

0 visualização

OZZ Saúde
Rua Doutor Manoel Pedro, 741
Cabral | Curitiba-PR
(41) 3121-1521

OZZ Saúde
AV. Quatorze de Dezembro, 610
Centro | Nova Fátima - PR
(43) 3552-2318

OZZ Saúde
Rua Profª. Sofia Quint de Souza, 556
Capoeiras | Florianópolis - SC
(48) 3091-4949